Como Montar O Teu Blog: Só Tem Vantagens

27 Nov 2018 03:49
Tags

Back to list of posts

media-998990_960_720.jpg

<h1>Mulheres T&ecirc;m Superior Facilidade Em Expor Em P&uacute;blico?</h1>

<p>Tudo bem com voc&ecirc;s? Ted Talk. O novo modo de fazer apresenta&ccedil;&otilde;es. 5 anos sem Hebe Camargo. A nossa discuss&atilde;o de hoje traz uma conversa muito interessante: a conex&atilde;o entre as mulheres e a orat&oacute;ria. Ser&aacute; que homens e mulheres veem (e fazem uso) a intercomunica&ccedil;&atilde;o da mesma forma? Existem caracter&iacute;sticas espec&iacute;ficas femininas quando o t&oacute;pico &eacute; se apresentar em p&uacute;blico?</p>

<p>Pra dizer sobre isto, selecionamos v&aacute;rias das ideias publicadas na comunicadora Sarah Lloyd no Ginger Public Speaking, website de intercomunica&ccedil;&atilde;o que ensina as t&eacute;cnicas como real&ccedil;ar as apresenta&ccedil;&otilde;es em p&uacute;blico e ser um melhor speaker. Definitivamente, tanto homens quanto mulheres t&ecirc;m as qualidades e ferramentas necess&aacute;rias para fazerem apresenta&ccedil;&otilde;es capazes de inspirar, cativar e trazer transforma&ccedil;&otilde;es para o universo.</p>

<p>A diferen&ccedil;a &eacute; que as mulheres est&atilde;o mais dispostas a acessar e a usar estas qualidades e ferramentas. Elas s&atilde;o &oacute;timas em revelar hist&oacute;rias, n&atilde;o t&ecirc;m susto de falar vulnerabilidade e s&atilde;o as melhores ouvintes. E existem estudos (como o Bar&oacute;metro de Confian&ccedil;a da Edelman) expondo que essas s&atilde;o as caracter&iacute;sticas presentes nos l&iacute;deres em que as pessoas mais confiam.</p>

<p>Isso pode estar relacionado com a forma como homens e mulheres s&atilde;o desenvolvidos por causa de seus pais - e na comunidade. &Eacute; verdade que a educa&ccedil;&atilde;o tem mudado muito nos &uacute;ltimos anos, entretanto ainda carrega uma heran&ccedil;a bastante machista. Desde pequenas, as mulheres s&atilde;o incentivadas a trabalhar a pr&oacute;pria sensibilidade e a mencionar o que sentem.</p>

<p>Por outro lado, os homens s&atilde;o inibidos de fazerem o mesmo, no retr&oacute;grado racioc&iacute;nio de que “homem n&atilde;o chora”. Todos estes fatores realizam com que os homens tenham problemas em se comunicar e as mulheres, por sua vez, usem a intercomunica&ccedil;&atilde;o como uma ferramenta! &Eacute; claro que existem muitos l&iacute;deres masculinos inspiradores, sens&iacute;veis, bons ouvintes e &oacute;timos narradores.</p>
<ul>

<li>Integra&ccedil;&atilde;o com outros servi&ccedil;os</li>

<li>Geradores shortcodes</li>

<li>27/01/2013 &agrave;s 14:Quarenta</li>

<li>3 colheres (de sopa) de a&ccedil;&uacute;car</li>

<li>Outros artigos educativos</li>

<li>4 Novo na wikipedia</li>

<li>4 4. Em pesquisa do milh&atilde;o</li>

<li>Cap&iacute;tulo 267</li>

</ul>

<p>Sabemos disso, amigos Speakers! Por&eacute;m, a nossa popula&ccedil;&atilde;o tem um vasto conjunto de mulheres que s&atilde;o l&iacute;deres inspiradoras, no entanto que ainda necessitam ser ouvidas. E isto &eacute; uma especificidade quando o foco s&atilde;o as mulheres e a orat&oacute;ria. No caso das mulheres, compartilhar tuas vozes e ousar fazer transforma&ccedil;&otilde;es ao comentar &eacute; um ato de lideran&ccedil;a.</p>

<p>Todos sabemos que liderar n&atilde;o &eacute; qualquer coisa acess&iacute;vel, n&atilde;o &eacute; mesmo? Por&eacute;m as mulheres parecem defrontar ainda mais barreiras neste caminho do que os homens. Sabem por que, Speakers? Pelo motivo de, segundo Sarah Lloyd, as mulheres s&atilde;o julgadas de outra forma. Os homens ambiciosos, expl&iacute;citos e bem-sucedidos s&atilde;o tratados como her&oacute;is, no tempo em que uma mulher com as mesmas realiza&ccedil;&otilde;es &eacute; visibilidade como dif&iacute;cil, dura ou exigente al&eacute;m da conta.</p>

<p>Por em t&atilde;o alto grau julgamento, v&aacute;rias mulheres sentem que prefeririam auxiliar a divulgar uma ideia de modo coadjuvante, postando as responsabilidades de lideran&ccedil;a com um homem ao inv&eacute;s de assumir “todo o peso” de ser a l&iacute;der. Para olhar, na pr&aacute;tica, tudo o que envolve as mulheres e a lideran&ccedil;a, Sarah Lloyd buscou algumas dicas a respeito da participa&ccedil;&atilde;o do p&uacute;blico feminino em cargos deste tipo. No Brasil, a ocorr&ecirc;ncia parece ser ainda pior.</p>

<p>Um pouco mais de 10% dos deputados e deputadas s&atilde;o mulheres. Dessa maneira, o Brasil ocupa o 154&ordm; local entre 193 pa&iacute;ses. No nosso estado, os grandes tomadores de decis&otilde;es ainda s&atilde;o os homens, se bem que a popula&ccedil;&atilde;o tenha mais mulheres que homens. Apesar de ser uma vasto verdade, a nossa conversa n&atilde;o &eacute; a respeito da disparidade de oportunidades entre homens e mulheres, todavia, sim, a respeito de como as mulheres s&atilde;o capazes de usar a intercomunica&ccedil;&atilde;o pra montar suas pr&oacute;prias oportunidades.</p>

<p>A lideran&ccedil;a come&ccedil;a com uma legal intercomunica&ccedil;&atilde;o, Speakers! Pra sermos bons (e boas) l&iacute;deres, temos que possuir uma vis&atilde;o e, sobretudo, saber Noticiar essa vis&atilde;o pro resto do mundo, vencendo preconceitos e obst&aacute;culos. Como as mulheres de imediato t&ecirc;m afloradas estas ferramentas para se anunciar de modo inspiradora, a trajet&oacute;ria para pronunciar-se bem em p&uacute;blico podes ser menos dif&iacute;cil do que pros homens.</p>

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License